Resumo da Aula: A Capoeira

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Resumo da Aula: A Capoeira

Mensagem por Samuel Sena em Ter Abr 25, 2017 2:22 am

O texto utilizado para a discussão da última aula traz basicamente dois temas: a escravidão negra nos Estados Unidos e a Capoeira, com seus respectivos contextos históricos.
Sobre a escravidão negra nos Estado Unidos pode-se perceber que há uma semelhança entre os escravos dos Estados Unidos e os escravos do Brasil, estes dois grupos têm a presença marcante dos movimentos de resistência, e é perceptível essa resistência na Capoeira praticada no Brasil.
A Capoeira originou-se com a vinda dos negros escravizados que foram trazidos pelos portugueses da África (principalmente da Angola) até o Brasil. Estes negros que eram considerados de "boa mão-de-obra", ao contrário dos índios que eram de "péssima mão-de-obra", eram forçados a trabalhar nos engenhos de cana-de-açúcar, café e algodão, além de serem oprimidos e sofrerem com o preconceito racial existente na época.
A Capoeira foi desenvolvida pelos negros como forma de resistência à submissão que tinham sob o regime escravocrata português e ao preconceito que sofriam, e era praticado secretamente como uma luta que chamavam de dança. Importante ressaltar que a escravidão não era a única razão pelo qual houve resistência, mas também por causa da repressão às suas crenças já que os portugueses tinham influência do cristianismo. Este aspecto pode ser observado tanto no Brasil como também nos Estados Unidos.
A repressão à religião africana deve-se também ao fato de esta ser politeísta (tendo os deuses ou entidades relacionados à natureza), ao contrário da religião cristã que é monoteísta. Outro fator importante é que houve uma sincretização (fusão;mistura) das religiões cristã e afro, já que os negros tiveram grande influência do cristianismo. Mestres de Capoeira chegam a dizer que esse sincretismo foi tão marcante que para se proteger de males e feitiços durante uma luta precisava-se fazer orações evocando santos do cristianismo e orixás do candomblé.
Concluindo pode-se afirmar que a Capoeira não foi resultado apenas da resistência ao trabalho escravo, mas também da grande repressão sobre a religião afro, principalmente com a grande influência do cristianismo. Se há dominação é porquê também há submissão, os escravos tinham suas crenças como uma motivação para lutar, era algo que os tornava submissos à escravidão, mas também promovia a resistência deles. A Capoeira era jogada como luta e treinamento, porém em forma de brincadeira ou dança.


Samuel Sena

Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/03/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum